31
jul
08

Independentes: Quem eles pensam que são?

Lambe-lambe do Bazar. Foto: Divulgação.

        Por Cristine Bartchewsky      

                        A cena independente tem crescido positivamente nos últimos anos. Alguns motivos gritantes são a pirataria, a Internet e a dificuldade de conseguir uma boa gravadora. Contudo, o maior problema do artista independente é a questão financeira. Segundo Rodrigo Caldas do Bazar Pamplona, um bom estúdio é importante, mas as gravações caseiras podem ter suas qualidades também. Muitas bandas famosas estão deixando as gravadoras, pois, como disse Caldas, o artista quer liberdade para criar. 
                       Os integrantes do Bazar podem não ser de São Paulo, mas a banda é genuinamente paulista. Formada, em 2004, inicialmente por Estevão Bertoni (vocal e guitarra) e João Victor dos Santos (guitarra), então estudantes de uma república na Avenida Paulista, agregou logo mais Rafael Capanema (baixo) e Rodrigo Caldas (bateria). As principais influências da banda são Beatles e a Tropicália, o que fica claro ao ouvir ‘Céu de cinema Americano’ e ‘A música que ninguém nunca escutou’, do álbum ‘À Espera das Nuvens Carregadas’.

                   Geralmente os shows são realizados em locais intimistas e o perfil do público denota certa deserção das rádios. Talvez porque a proposta da banda seja contrária aos sons enlatados que o dial vomita atualmente. E eu me pergunto: Rock ou MPB? Eis que o Bazar pode ser a desdefinição… Com letras deliciosamente irônicas e postura displicente no palco, cantam o cotidiano, o simples. As apresentações são tão divertidas quanto àqueles encontros com os amigos na garagem pra fazer um som. Então vá logo ouvir, mané!

Anúncios

6 Responses to “Independentes: Quem eles pensam que são?”


  1. julho 31, 2008 às 9:48 pm

    Esse Rafael capanema não é aquele do Blog?

  2. 2 Rodrigo C
    agosto 1, 2008 às 8:49 am

    esses meninos do bazar pamplona são uns vandalos mesmo…olha o q fizeram no muro daquela foto!!!

    bjos Cris

  3. 3 Braz
    agosto 1, 2008 às 6:58 pm

    Hey Cris, gostei do seu post, ficou bem jornalístico, me lembrou muito aquelas colunas ou artigos do tipo “Dica para o seu Fim de Semana não ser uma Merda” (por Cristine Bartchewsky). Só não gstei muito doultimo paraágrafo porque tem muitos adjetivos, mas sei lá, achei legal.

    Tchau =D

  4. agosto 1, 2008 às 11:06 pm

    Aquele Blog que tinha um playmobil como logo. Não consigo lembra do nome.

  5. 5 Rafael Capanema
    agosto 3, 2008 às 11:02 pm

    O do Playmobil era do meu primo, Thiago Capanema…

  6. 6 Sean Salinas
    agosto 4, 2008 às 7:22 pm

    Essa banda me lembra Los Hermanos mesmo sem ouvir(SIM TOTAL PRECONCEITO) por isso prefiro ficar fora. Mas bom artigo…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Arquivo

Lido por

  • 25,414 Cult´s
julho 2008
S T Q Q S S D
    ago »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Atualizações Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: